Archive Page 2

There´s Nothing Like Australia

Achamos incrível esta página onde você pode visualizar mais de 3.500 motivos pelos quais deve ir visitar a Australia!
Agora, quando alguém nos perguntar “Australia??? Mas por quê???”,  vamos passar o link!

Clique na imagem abaixo para acessar o site:

Vídeo do Resumo da Viagem para a Australia!

Finalmente… depois de mais de um ano conseguimos terminar o vídeo com os melhores momentos (fotos e vídeos) da nossa viagem de um mês pela Australia em julho de 2010!
Foram dias inesquecíveis e maravilhosos – foi muito divertido relembrar tantas coisas enquanto preparávamos o vídeo.
Até choramos de lembrar tantas coisas legais!
Um dia a gente volta!

Para ver o relato completo da nossa viagem, dia a dia, basta clicar aqui.

Porto Alegre – 09julho2011

dia 09julho2011 – sábado
Porto Alegre

Hoje foi o dia do churrasco!!! Acho mesmo que meu sogro já estava guardando carnes no freezer há meses… só esperando nossa chegada!!!

Teve de picanha à costelinha de porco… feito com todo cuidado, com paciência, só para nós quatro!!! Que maravilha!!!

O almoço terminou tarde e aproveitamos para descansar e assistir ao jogo do Brasil na tv.

Claro, mais tarde ainda rolou uma banana com canela na churrasqueira – que já virou mania nossa!

E este foi nosso último dia de viagem de férias… amanhã já retornaremos para São Paulo! Deus nos abençoou grandemente e no guardou em todo tempo! Glórias sejam dadas à Deus, nosso pai amoroso!

Porto Alegre – 08julho2011

dia 08julho2011 – sexta-feira
Porto Alegre

Acordamos não muito cedo, afinal não havia necessidade já que não estávamos mais em um hotel.

Na hora do almoço fomos até o Shopping Iguatemi para comer e passamos a tarde por lá, pra escapar do frio do apartamento.

E à noite mais uma boa surpresa: fomos à um lugar chamado Sgt. Peppers aqui em Porto Alegre. É um “bar” com música ao vivo… mas esquece o esquema “tiozinho”… é muuuuito legal a apresentação da banda e o ambiente!

Pegamos uma mesa no mezanino, bem próxima ao palco, pedimos um vinho, e às 23hs a banda começou a tocar!

O repertório é incrível… U2, Dave Mathews Band, Phil Collins, Steve Wonder, e a especialidade… Beatles.

Mas, quem quiser conhecer, fica o aviso: eles não tocam só Beatles… o repertório é de muito bom gosto e super variado! Amamos!!!!

Gravamos alguns vídeos com as músicas, e depois colocaremos aqui no blog também!

Lá pelas tantas, voltamos para casa debaixo de muito frio!

Buenos Aires / Porto Alegre – 07julho2011

dia 07julho2011 – quinta-feira
Buenos Aires / Porto Alegre

Hoje foi dia de arrumar as malas e ficar no hotel pela manhã, pois nosso vôo sairia às 15hs, e teríamos que ir na hora do almoço para o aeroporto.

Aproveitamos para tirar algumas fotos da cobertura do hotel, ver alguns vinhos para tentar descobrir qual seria legal para trazermos para o Brasil – mas como somos bem leigos a este respeito, acabamos desistindo depois de ver uma infinidade deles.

Encerramos nossa conta no hotel e pedimos um taxi. No caminho para o Aeroparque, o motorista nos informou que vários voos haviam sido cancelados por causa das cinzas do vulcão… nós sequer nos lembramos de verificar isso antes de sair do hotel… na verdade, nem nos lembramos que existia um vulcão! ahahaha

Já que estávamos a caminho do aeroporto, o que tínhamos a fazer era ir até lá para verificar né… não teríamos tempo de voltar para o hotel, etc, etc…

Chegando lá, tinham até canais de tv filmando por causa do número de cancelamentos dos vôos… a Aerolineas Argentinas cancelaram todos os voos até às 18hs (mas depois, ficamos sabendo que houve uma greve parcial desta companhia também…). Felizmente, a TAM não havia cancelado os voos para Porto Alegre – nosso próximo destino! Havia vários vôos para São Paulo cancelados, então foi ótimo nossa programação ser diferente. Atrasou um pouco, mas voamos, graças a Deus, muito bem!

Em Porto Alegre, o pai do Ro já nos esperava no aeroporto – e o frio também! (O pai do Ro mora há uns 10 anos em POA).

Chegando aqui, descobrimos que o frio não estava nada melhor do que em Buenos Aires, com o agravante de que o hotel é melhor protegido contra o frio do que os apartamentos comuns. Dentro do apartamento estava absolutamente congelante, e a frase celebre era “não deixa gelar” (isso significa, por exemplo, que depois de deixar seu pé ficar gelado, não há mais nada que possa fazer para aquecê-lo… então “não deixa gelar!”)!!! rss

Hoje é aniversário do pai do Ro (e este foi um dos motivos de termos vindo pra cá!), e depois de deixar as malas no  apartamento, saímos os 4 para jantar (eu, o Ro, o pai dele e a esposa). Eles já haviam programado tudo e nos levaram até o Dado Bier do Shopping Bourbon Country. E… uau!!! Que comida fantástica! Quase surtamos quando vimos o garçon cortando um bife grosso de picanha com uma colher (super tranquilo), de tão macia que estava a carne!

Hora de descansar e colocar todas as meias e agasalhos possíveis!!! Não é exagero… dormi com 3 meias, e 3 cobertores mais 1 edredon (e quase não foi suficiente)!!! Mas sobrevivemos!!! rss

Buenos Aires – 06julho2011

dia 06julho2011 – quarta-feira
Buenos Aires

Haha! Hoje foi o dia de tentar mais uma vez ir ao Malba… antes, caminhamos do hotel até a Plaza de Mayo e tiramos algumas fotos em frente à Casa Rosada e pegamos um taxi.


Casa Rosada.


Plaza de Mayo.


Obelisco.


Pessoal levando os cães para um passeio coletivo!!! Muito legal!!!


Museo Nacional de Bellas Artes.

Chegamos no Malba por volta de 11:30hs, e adivinha… só abre às 12:00hs!!! Já ta parecendo piada! rss

Para não perder tempo, fomos até o Buenos Aires Design, que é um pequeno shopping de móveis e design. Lá eles não permitem tirar fotos, mas eu consegui tirar algumas (!!!).

Entramos pelo subsolo e lá tem uma loja tipo uma “micro Tok&Stok”, chamada Morph. E há uma outra que gostei muito, chamada Mr. MOR, onde tem algumas miniaturas de cadeiras de design por 75 pesos, adesivos para parede, e caixinhas de sabonetes muito fofas, ótimas para dar de presente! No geral, o shopping é bem pequeno.


Loja Morph.

Almoçamos lá mesmo em um pub, chamado Matias Design, onde comemos uma sopa de verduras e um gnocchi delicioso! O atendimento é razoável, e o graçom ficou bravo porque não quisemos dar gorjeta… aliás, isso parace ser uma constante aqui. É como um insulto não dar gorjeta… achamos um absurdo…


No pub Matias Design.

E aí, mais uma vez, voltamos ao Malba… já era a terceira vez – e não tentaríamos novamente! rss… Mas ok, conseguimos!

Fomos mais porque eu queria conhecer o edifício, porque ouvi falar que tem uma arquitetura muito bonita. O ingresso custa 22 pesos por pessoa, mas de quarta-feira é 10 pesos/cada (eba!). Chegando lá tirei duas fotos e já veio um segurança nos avisar que não era permitido… fiquei chocada! Pra mim, o mais legal em um museu é o próprio museu!!! rss… mas tudo bem… as 2 fotos já estavam na minha máquina! ahahaha

O museu tem 3 pavimentos (acho) e não é muito grande. Tem um café no térreo e uma lojinha (onde comprei, claro, uma caneta escrita “Malba”, por 8 pesos).

Saindo de lá, lembramos que tinha um Starbucks naquela região e fomos!


Pensando: “o que vamos fazer agora…?” (ooohhhh, vida dificir!!! rss)


Sempre tem que ter uma foto pulando né…


Este é o ônibus “super decorado” de Buenos Aires! rss

Pegamos um taxi e voltamos para o hotel… e aí… lembramos que tem um terraço na cobertura.

Resolvemos ficar lá um pouco tomando um solzinho (de casaco, claro) e até dormimos em uma das espreguiçadeiras! Delícia!!!

Deus foi muito amoroso conosco… todos os dias fez sol e um céu azul maravilhoso, apesar do frio!

Mais tarde, saímos para comer alguma coisa e aproveitamos para tirar foto da Casa Rosada, que fica toda iluminada à  noite.

Palavras que aprendemos hoje…
noche – noite
buenas tardes – boa tarde
hermoso – belo
cueste lo que cueste – custe o que custar
manteros – ambulantes (vendedores de rua)
desayuno – desjejum (café da manhã)
ternero – boi jovem, bezerro

Buenos Aires – 05julho2011

dia 05julho2011 – terça-feira
Buenos Aires

Nossa programação de hoje incluía pontos turísticos importantes de Buenos Aires…

Após o café da manhã, pegamos um taxi e fomos até o Estádio do Boca Juniors, La Bombonera! Lá existe o Museo de La Pasión Boquense, e pegamos a entrada com direito à visita guiada. Foi bem bacana! Passeamos por todas as áreas do estádio, incluindo as cadeiras que são de uso vitalício (azul descoberta), as cadeiras amarelas cobertas, o vestiário do time visitante… A inclinação do estádio é impressionante! Não imaginávamos que era tanta!

Chegamos bem perto da grama, e a área das cadeiras vitalícias não tem gradil, mas um vidro que os separa do campo, e fica muito próximo do campo! Super legal!

O museu é pequeno e simples, mas pra quem é apaixonado por futebol vale a pena.

Saindo de lá, fomos até o Caminito, um dos cartões postais de Buenos Aires. Sinceramente, ficamos decepcionados. São umas 3 ruazinhas, com casas bem velhas, simples e coloridas, um monte de gente tentando vender coisas para os turistas… Com certeza, é mais bonito na foto do que pessoalmente.

Depois de caminhar por lá (em menos de 10 minutos), pegamos um taxi e fomos para o outro lado da cidade, em busca do Malba (museu de arte). No meio do caminho, descobrimos que de terça-feira não abre (eeee!! que legal né! rss). Mudança de planos, seguimos para a área de Palermo, em busca da concentração de lojas e outlets que vimos em pesquisas na internet.

Antes, paramos em um restaurante para almoçar, chamado Domani (a comida era razoável).

Saímos mais uma vez em caminhada e chegamos à Rua Gurruchaga e caminhamos até a Cordoba. Não achamos nada legal com um preço bacana (aliás, a única loja que chegamos a pegar algo na mão pra levar ficou sem sistema para fechar a compra, sem hora pra voltar… largamos lá e fomos embora! rss). Provavelmente, nossa expectativa era muito grande por causa de tudo que lemos e, por isso, foi um pouco decepcionante.

Pegamos um taxi e voltamos para o hotel. Resolvemos descansar um pouco, porque caminhamos bastante hoje.

Pra balancear o “super jantar” de ontem, saímos para procurar um café para comer algo leve. Lembrei que tem aqui perto o famoso Café Tortoni, na Av. de Mayo. Fomos até lá a pé, mas acho que estava acontecendo alguma apresentação, porque havia fila para entrar na porta. Ok, fomos a outro café bem agradável lá perto, e finalizamos o dia com algo bem leve e quentinho!

Palavras aprendidas hoje…
“oca” – pronuncia de “boca”
caja – caixa


Quem Somos

follow us

Acesse nosso canal no

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Estatísticas do Blog

  • 52,096 acessos

Arquivos